quarta-feira, 19 de outubro de 2016

O conto de fada mais lindo do mundo.

Como uma princesa tudo começou e com uma realidade  extremista tudo acabou. Lágrimas foram derramadas, foram as lágrimas mais quentes que joguei fora.
Foram embora levando o líquido do gelo derretido, deixando o espaço de tudo se congelar novamente. Viver só é uma forma de esta consigo mesmo, ser o motivo da sua própria felicidade.
O destino tem pegadinhas incríveis, faz rodar e repetir, faz chorar e sorrindo vamos ultrapassando cada etapa.
O desejo teve que acabar, o sentimento foi interrompido e essa novela só poderá ser vista quando a outra vida começar.
E a próxima novela da globo será: Por quantas vidas serão?!
Se alguém me perguntar o que sinto eu direi que sinto você e você não é sentimento, é uma pessoa e pessoa não é algo pra se sentir quando não há disponibilidade pra se sentir.
O que eu quero são atitudes que não seriam possíveis em vida alguma, a parte dessa novela eu tentei escrever  e um autor só escrevendo é simplesmente um platônico e esse adjetivo é inexistente, ele sentido e imaginado e sentidos e imaginações não são pessoas. Não podemos sentir ninguém que não se permite ser usado de amor.
Eu posso ter quem eu quiser, mas por eu querer você todos os olhos se fecham a mim e passar por essa submissão novamente é retroceder para uma vida que consegui fugir, era uma vida imposta, e hoje seria muita falta de amor me permitir a essa prisão, sentimentos não são pessoas, pessoas são só pessoas e eu sou uma pessoa que amo me sentir, pois, eu irei me permitir a me sentir em platônico, em amor, sentidos e imaginações.
Meus ouvidos foram depósitos de promessas mal feitas, palavras ditas com sorrisos doces e olhares que transmitia uma verdade que até Deus duvida.
Confiança é uma atitude muito corajosa, o ato de acreditar também existe coragem e não conseguir fazer nada disso é um fracasso, mas é um fracasso que protege, protege de situações como as de acreditar nas palavras de alguém que faz questão de virar um ninguém.
Desisti, a princesa foi embora sem seu príncipe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário