quarta-feira, 5 de junho de 2013

O que há?


 O que há de mim sem amor?
O que há da luz sem o breu?
O que de mim sem meu eu?
O que há quando não se tem?
Estaremos sempre interligados
Não exite amor sem ódio,
Traição sem confiança
Não existe NÃO sem o SIM esperado
O que há de mim sem outro alguém? 
O que há? o que há?
Vamos nos preencher de tudo pra de tudo sermos renovados!




Nenhum comentário:

Postar um comentário