sexta-feira, 22 de março de 2013

Então..

Sinceramente, tem seres humanos que não tem a menor capacidade de perceber o próximo e dói ainda mais quando o próximo é bem próximo tipo um grau de familiaridade. Não é a minha intensão clamar a atenção de ninguém, mas quando nos é cobrado essa atenção, pomos em mesa a reciprocidade. Até onde eu sei a família é um compartilhamento de carinhos, atenções, dizeres...
Dói muito dizer que por traz de todo sofrimento há sempre uma pressão "artística" de quem sofre, qualquer pessoa age assim, até porque o sofrimento nos deixa frágil, mas enfim, nada justifica.
Talvez o que to tentando dizer é que não adianta cobrar  o que você não faz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário