domingo, 27 de março de 2011

Que seja o que não é, não sendo!

Que seja o que não existe, não existindo.
Que esse sentimento seja como está, sendo como sempre foi!
O medo denovo me dando medo!
Porque tenho medo do que nem pode acontecer? Coisas que acontecem em meu imaginário que penso em por em prática, mas dá errado no inicio?
Queria ter a segurança da flor, que solta seu cheiro e enfeitiça os seres.
Mas como não sou flor, e nem uma boa humana, não sei transparecer para tais, tanta dedicação e interesse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário