terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Eu vivo esse impacto!

A cada abraço
A cada sentido
A cada ilusão alimentada

Sinto febre
Sinto dor
Sinto o segundo correndo sem parar com ou sem tua presença.
Talvez essa loucura responda minha insanidade!

Nenhum comentário:

Postar um comentário