domingo, 19 de dezembro de 2010

É assim!

Com o peso
Do meu passo
Eu construo
meu destino.

Com a intensidade
do amor
Eu descubro
Meus desejos.

Com a vida
Eu conheço a mesma.

Comigo?
eu sinto os meus delirios
Eu tento viver a vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário